Ao vivo: 5 anos da Lei Maria da Penha – Seminario sobre a aplicacao da lei Maria da Penha

Veja AQUI!

“[…]
Já fui loura, já fui morena,
já fui Margarida e Beatriz.
Já fui Maria e Madalena.
Só não pude ser como quis.
[…]

Cecilia Meirelles – Mulher ao Espelho

2 pensamentos sobre “Ao vivo: 5 anos da Lei Maria da Penha – Seminario sobre a aplicacao da lei Maria da Penha

  1. Desculpe a demora em responder e vir aqui pessoalmente agradecer ao comentário. Mas de fato, do ponto de vista biológico não existem raças humanas, pois as variações genéticas são superficiais. Mas a sociedade humana ocidental criou a noção de raça a partir das características étnicas. O resultado é que raças não existem, mas racismo existe sim! O racismo à brasileira mascara racismo puro e simples com a justificativa de “gosto pessoal”. O mito de que a tal raça branca pura (parece que estamos falando de cachorros, não?) é a detentora da beleza é difícil de ser combatido, pois as pessoas percebem como se fosse apenas uma questão de gosto estético. O que não é verdade! Tenho uma amiga que insiste não perceber cores nas pessoas, eu acho isso perigoso. Eu percebo sim, pois entendo que a diversidade humana é bonita em suas cores, texturas, cheiros, etc. Não somos inodoros, não somos desbotados. Somo belos em nossa diversidade, em todos os pesos, cabelos, alturas e por que não dizer, cores. Perceber cores não é o problema, mascarar o racismo, sim! Mas a questão é: como positivar a diversidade em uma sociedade pautada por uma falsa homogeneização?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: